Ubuntu troca de interface no 11.04

Interface Unity num laptop com Ubuntu Natty Narwhal

O vindouro Ubuntu 11.04 (que também atenderá pelo codinome Natty Narwhal) trará uma mudança que já iniciou rebuliço na comunidade opensource: a mudança de ambiente gráfico. Atualmente, estamos trabalhando sob a interface Gnome e que já foi bem absorvida por todos os usuários, porém, parece não ter agradado Mark Shuttleworth, o Big Boss da Canonical, desenvolvedora do Ubuntu, e por isso, resolveu adotar a interface Unity na próxima versão de seu OS. A Unity é uma interface bastante convidativa e simples, já utilizada em netbooks, celulares e outras telas de reduzido tamanho. Há quem diga que Shuttleworth está vislumbrando uma tendência para os computadores pessoais de unificar estilos de ambiente gráfico. Outros se opuseram à mudança afirmando que o chefão do Ubuntu simplesmente esteja de birra com os produtores do Gnome por estes não assumirem as mudanças sugeridas pela Canonical nas próximas versões da interface. Clique na imagem acima para ler a matéria e os comentários interessantíssimos do Br-Linux que originaram essa postagem. A minha opinião é que devemos estar abertos a mudanças, senão estaremos atrofiando nosso raciocínio e, talvez, ferindo a liberdade de escolha.

Anúncios

9 thoughts on “Ubuntu troca de interface no 11.04

    1. Se seu Ubuntu 11.04 está iniciando em modo Gnome pode ser que seu hardware não ofereça suporte ao Unity. Se não for esse o seu caso, vá até o menu principal (main menu) e encerre a sua sessão. Quando a tela de iniciar sessão reaparecer, clique no seu nome e veja que surge uma barra de opções na parte de baixo da tela. Um dos menus disponíveis é o “Sessão” clique nele e mude o modo de “Ubuntu Clássico” para “Ubuntu”, e você vai iniciar em modo Unity.

    1. Deve aparecer exatamente assim, Alcineu. Todos os que conheço instalaram e observaram exatamente esse desktop após a instalação. Eu não vi porque minha máquina é antiga e o hardware não dá suporte ao Unity. Gosto muito do Ubuntu, mas as constantes atualizações começaram a me prejudicar por eu não poder trocar de “máquina” no momento. Então, mudei para o Debian que não altera com a frequencia da Canonical. Fiquei com o Debian no estúdio de casa e Ubuntu Studio 10.04 no trabalho.

    1. Entendi. Você queria que ele ficasse como o da foto que usei como demonstração. Fui procurar saber a origem da minha foto para tentar te ajudar e descobri que se trata da imagem do ubuntu num laptop. Isso pode significar uma diferença, mas, como o Ubuntu (como todo Linux) é um operacional 100% customizável, o dono desse laptop deve ter alterado a área de trabalho depois da instalação, o que a deixou com esta aparência. Nada que você não consiga “imitar”. Acho que o mais difícil vai ser achar um papel de parede como este porém, os outros efeitos são o Unity (da própria interface do novo Ubuntu), e a barra inferior com ícones animados, que chamamos de “dock” (neste caso, o “Cairo-Dock”, que está disponível nos repositórios do Ubuntu. basta digitar “cairo” na “Central de Aplicativos” e baixar. Depois é perder muuuuito tempo configurando conforme sua vontade, mas é certo que sua interface ficará como esta, ou até melhor.

  1. Olá Sami.
    Rapaz ouve um mau entendido meu aqui, eu não me atentei sobre essa mudança no visual do papel de parede, mas, como estou garimpando o interior do Ubuntu 11.04 vou checar isso.
    Já consegui mudar o papel de parede.
    Achei interessante barra inferior com ícones imitando o MacBook.
    Mesmo assim, grato ai pela advertencia.
    sds

    1. Puxa, rapaz…

      Desculpe se pareceu que estava te advertindo. Na verdade, achei que você era novato no Ubuntu (como eu) e acabei escrevendo demais.

      Bom saber que você gosta de garimpar o sistema (como eu). Já estraguei todo ele sempre que tentava fazer alguma mudança mais severa, mas faz parte. Intalei por várias vezes até descobrir que não era pra ter feito essa ou aquela mudança no sistema, mas foi ótimo para aprender mais.

      Em casa estou me aventurando com o Debian (por causa daquele probleminha com as atualizações da Canonical) e estou bem feliz.

      A barra inferior “dock” é um espetáculo, não? Fui o primeiro a usá-la no meu trabalho e todos achavam que trabalhava num Mac (na época, instalei o RocketDock no Windows XP). Na época do WinXP já gostava de customizações e isso contribuiu para que eu mudasse definitivamente para o Linux, e nunca me arrependi dessa decisão.

      Estou trabalhando numas melhoras para meus dois blogs e não tenho tido tempo para postar nada novo, mas assim que estiver pronto, escreverei mais postagens sobre customização e configuração do Linux (Ubuntu e Debian, em especial).

      Esteja à vontade para perguntar ou dar opinião sempre que quiser, amigo.

      Grande abraço.

  2. Eu de novo…nada sou iniciante ainda.
    Já tinha testado sem instalar Ubuntu 10, Fedora 14 muito bons mesmos e o Mint.
    Para mim iniciante essas distros recentes não dá.
    Tinha instalado o Ubuntu 11.04 e achei dificuldades com ele em termos de acessos, achei o Ziron OS, leve e fácil de manuseio, excelente e surpreendente!
    Acabo de digitar usando o Ziron OS.Tipo, já dá para migrar direto para o Linux atualmente?
    Sobre o Dock já estou me familiarizando com ele.
    Grato ai pelas dicas, sds.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s